Carta enviada ao Jornal o Globo “Por que amendoeiras pelas ruas?”

Custou, mas apareceu alguém como você lançando um grito de guerra contra as famigeradas amendoeiras, em seu artigo de hoje, no OGLOBO. Realmente foi uma idéia infeliz quem lançou esse tipo de árvore para embelezar o Rio de Janeiro e dar sombra aos seus habitantes. Dou um testemunho como Presidente de uma Sociedade Civil a AMAR – Associação dos Moradores e Amigos do Tijucamar e Jardim Oceânico com quase 40 (quarenta) anos de existência, da nossa luta com pedidos constantes de poda solicitados pelos síndicos e moradores junto a COMLURB e a Light.    O nosso bairro Jardim Oceânico padece pela sua existência, pois calçadas, canais sujos pela folhagem, ruas escuras, finalmente, é uma presença indesejável. Quanto a sua idéia de ADOÇÃO, temos o prazer de informá-lo  que a nossa Associação adotou por mais 2 (dois) anos, a Praça Professor José Bernardino, mais conhecida como PRAÇA DO POMAR, em parceria com a Fundação Parques e Jardins. Com dificuldades temos levado a bom termo a sua manutenção e segurança, para alegria das crianças e da comunidade que a usam para divertimentos, festejos, exercícios físicos de idosos com equipamentos próprios.

Escrever Comentário

*Campos obrigatórios Por favor valide os campos obrigatórios

*

*