FÔRO E LAUDÊMIO

A AMAR propôs em 2007 uma Ação Civil Pública em face da SPU da União. Ainda está em andamento no STJ ( SuperiorTribunal de Justiça) em Brasilia em recurso, que tomou o número RESP 1383821 e que encontra-se com a Ministra Regina Helena da Costa da  1ª Turma, desde  setembro de 2001., Mais uma vez esclarecemos que a AMAR, ganhou uma liminar que suspendeu todas as cobranças desde 2009, inclusive com a proibição e inscrição de débito no CADIN.

Escrever Comentário

*

*

*Campos obrigatórios Por favor valide os campos obrigatórios